Escola do Samba - Instituto Nação

Instituto Nação
Samba da Casa
O grupo “Samba da Casa” é formado por músicos da comunidade que se reuniram para tocar samba de raiz na abertura do evento “Escola do Samba” e servir de banda de apoio aos artistas convidados.. Todos têm longa carreira artísticas tocando e cantando na noite paulistana.

O grupo é composto por:

Alex da Silva Matos: Cavaquinho

Começou a se interessar pelo samba aos 15 anos por influência de seu avô, o seu grande mestre, que também lhe deu o seu primeiro cavaquinho aos 16 anos. Passou a estudar em casa e se engajou no estudo do samba. Durante esses anos acompanhou músicos como Osvaldinho na Cuíca, João Borba, Dona Inah, Luizinho 7 Cordas, Reinaldo, Ventura Ramires, Dinho Nascimento, Tião Carvalho entre outros.


Eduardo Luiz Ferreira (Edu Batata): Cavaquinho, compositor e intérprete

Músico profissional há 8 anos, cavaquinista, compositor apaixonado pelo samba tradicional, traz em suas composições a união do novo e do antigo, uma visão do passado sem esquecer o futuro. Durante esse tempo trabalhou com Wilson Moreira, Monarco, Ataupho Alves Jr, Wanderley Monteiro, Nãnãna da Mangueira, Germano Mathias, Oswaldinho da Cuíca, Diorina, Moacyr Luz, Luis Carlos da Vila. Atualmente trabalha na gravação de seu primeiro CD, Luz Divina, produção independente e 100% autoral.

Felipe Augusto Massanares Rezende: Violão e compositor

Começou a se envolver com a música aos nove anos aprendendo a tocar pandeiro. Aos 14 passou a estudar cavaquinho e violão. Atualmente também toca violão 7 cordas e faz composições. Já tocou com Beth Carvalho, Wilson Moreira, Péricles (Exaltasamba), Negritude Júnior, Jair Rodrigues, Marquinhos (Sensação) e tantos outros.

Hélio Rubi: Sambista, intérprete e compositor

Cercado de musicalidade desde a infância por influência de sua avó e por sua casa ser ponto de encontro de grandes músicos, o seu primeiro samba "Duas Poetisas" foi composto com apenas 10 anos de idade. Na década de 90 fundou os Grupos Juventude Negra, Novidade Antiga e Cinco Quinas. Em 2001 entrou para o Clube dos Sambistas de São Paulo e no Rio de Janeiro. Com mais de 20 sambas gravados, sendo muitos em parceria, agora está produzindo o seu primeiro disco solo. Também gravou como intérprete convidado nos discos do Clube dos Sambistas, Emerson Urso, Conjunto de Várzea, Adriana Sorato e Projeto Samba de Todos os Tempos.

João Nascimento: Músico, percussionista e compositor

Músico, percussionista, arte-educador, pesquisador da cultura afro-brasileira e co-idealizador do projeto Escola do Samba. Músico da Orquestra de Caboclos, Duo Abanã, Orquestra de Berimbaus do Morro do Querosene, banda de Dinho Nascimento e peça Orfeu Mestiço do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos. Já acompanhou músicos como Tião Carvalho, Renato Anesi, Nasi, Banda Rastapé, Vânia Bastos, Paçoca, Adriana Moreira, Osvaldinho da Cuíca, João Borba, Dona Inah e outros. Desde 2006 coordena o projeto Treme Terra e em 2010 produziu o CD e documentário Cultura de Resistência. Também é coordenador do projeto Afrobase e idealizador do Instituto Nação.

Tiago Trindade: intérprete, ritmista e compositor

Iniciou a sua trajetória na música há 10 anos. Canta e toca percussão no Grupo Reduto e desde 2003 luta pela valorização do samba e da boa música. Já se apresentou em diversas casas de samba em São Paulo e Rio de Janeiro e também participa de outros projetos de samba e choro.

Ubiratan Nascimento: flautista e gaitista

Realiza os seus trabalhos com ênfase no choro e no samba. Atualmente participa em projetos musicais se apresentado em grandes palcos como: Memorial da América Latina, Sesc, Casa da Dona Iaia, Museu da casa brasileira entre outros.

Pedrão: percussionista

Começou a tocar com os amigos do bairro em 1995 e participou de vários grupos de samba. Em seguida tocou no grupo Batuquerô e trabalhou como assistente de percussão no projeto Treme Terra. Já tocou com Biro do Cavaco, Sem Compromisso,Osvaldinho da Cuíca, Odair Menezes, João Borba entre outros.